• Gabriella Ferreira

10 estatísticas de marketing de vídeo que você precisa conhecer em 2020

Se o marketing de vídeo é o futuro, então o futuro está aqui. Você está no lugar certo se está se perguntando se vale a pena investir dinheiro no marketing de vídeo.

Nesta matéria, abordaremos algumas das principais estatísticas para 2020 que ajudarão mostrar para você que o momento certo para o marketing de vídeo, é agora.

Use essas estatísticas rápidas e fáceis para ajudar a orientar sua estratégia de marketing de vídeo para 2020.

1. Usuários da Internet em todos os lugares apreciam o conteúdo de vídeo.


Mais e mais conteúdo de vídeo está sendo assistido agora do que nunca. 85% de todos os usuários da Internet nos Estados Unidos assistiam conteúdo de vídeo online mensalmente em qualquer um de seus dispositivos (Statista, 2018). As pessoas de 25 a 34 anos assistiram aos vídeos mais on-line, com os homens adultos gastando 40% mais tempo assistindo vídeos na Internet do que as mulheres. O tempo gasto pelos usuários nos Estados Unidos assistindo conteúdo de vídeo semanalmente em um smartphone também é visto com o passar do tempo. Curiosamente, a Arábia Saudita e a Turquia ficaram em primeiro lugar, com 95% de todos os seus usuários da Internet assistindo conteúdo de vídeo on-line em qualquer dispositivo durante um mês.


2. A demanda por conteúdo de vídeo está aumentando


A preferência pelo conteúdo de vídeo não se limita apenas a fins de entretenimento.

O vídeo se estende às marcas. Estudos mostram que 54% dos consumidores querem ver mais conteúdo de vídeo de uma marca ou empresa que eles suportam (HubSpot, 2018). Com a crescente demanda por vídeo, muitos influenciadores do setor podem produzir proativamente diferentes tipos de conteúdo de vídeo, a fim de atender a essa crescente necessidade. Os entrevistados desta pesquisa alegaram que o conteúdo de vídeo está em alta demanda, principalmente porque as pessoas têm maior probabilidade de prestar atenção a ele. Há uma tendência maior de pular partes do conteúdo de áudio e escrita.

Para as marcas obterem mais atenção do público, o vídeo é um bom caminho a percorrer.


3. Vídeo como uma poderosa ferramenta de marketing.


O sucesso com o marketing de vídeo em 2018 atingiu níveis máximos. Não é de surpreender que mais empresas do que no passado pareçam incluir conteúdo de vídeo como parte de sua estratégia de marketing digital. Os profissionais de marketing precisam ter cuidado para não perder as oportunidades que o conteúdo de vídeo pode oferecer para eles. O relatório de 2019 mostra que 87% dos profissionais de marketing usam o vídeo como uma ferramenta de marketing (Wyzowl, 2019). Com a crescente demanda por conteúdo de vídeo, não é surpresa que uma porcentagem tão grande de profissionais de marketing afirmem usar o vídeo como uma ferramenta de marketing, eles confiam no potencial do conteúdo de vídeo para aumentar o envolvimento do usuário e melhorar a confiança da marca.


4. Os consumidores adoram ver vídeos nas mídias sociais.


Os usuários estão vendo vídeos cada vez mais em todas as plataformas.

Seja em blogs, anúncios no Instagram ou simplesmente no YouTube, eles esperam mais conteúdo em vídeo. Os vídeos são o tipo de conteúdo favorito dos consumidores para visualização de uma marca nas mídias sociais (Animoto, 2018). Com base no relatório State of Social Video Marketer 2018, 73% dos consumidores afirmam ter sido influenciados pela presença na mídia social de uma marca ao tomar uma decisão de compra. Somente esta estatística mostra como os vídeos estão ficando populares com o passar do tempo. Com o vídeo se tornando uma grande influência nas decisões dos consumidores, não é de surpreender que o Instagram esteja no caminho de se tornar a plataforma que mais cresce, que usa conteúdo de vídeo para impulsionar as compras.


5. Marketing de Vídeo = Lucro.


Tudo se resume ao retorno do investimento (ROI). Se olharmos para os números, 88% dos profissionais de marketing de vídeo estão satisfeitos com o ROI de seus esforços de marketing de vídeo nas mídias sociais (Animoto, 2018). O mesmo relatório mostra que 80% dos profissionais de marketing também afirmam estar satisfeitos com o ROI dos anúncios em vídeo que publicaram nas mídias sociais. Em termos gerais, as empresas usam o marketing de vídeo para aumentar suas vendas, aumentar o reconhecimento da marca e a confiança, manter seus clientes atuais informados e alcançar clientes em potencial.

As plataformas mais usadas pelos profissionais de marketing para postar vídeos de marketing de mídia social e anúncios em vídeo são Instagram, YouTube e Facebook.

Uma razão pela qual o marketing de vídeo é favorecido como ferramenta de marketing é devido ao seu potencial de explicar tudo em um formato preferido pelos usuários, o formato visual. Tutoriais ou vídeos explicativos são especialmente populares entre os usuários finais.

6. Marketing de vídeo como canal de geração de leads


De acordo com a Optinmonster, os profissionais de marketing de vídeo recebem 66% mais leads qualificados por ano (Optinmonster, 2019). Optinmonster também concluiu que os profissionais de marketing de vídeo alcançam um aumento de 54% no reconhecimento da marca. Além disso, 93% dos profissionais de marketing dizem que conquistaram um novo cliente graças a um vídeo nas mídias sociais. Esse aumento da qualidade dos leads pode ser atribuído à qualidade da educação oferecida pelo vídeo. Os clientes não apenas ganham confiança nas empresas, mas também podem se informar sobre a empresa ou seus produtos por meio de imagens interativas. Essas estatísticas mostram que não há necessidade de adivinhar os benefícios do marketing de vídeo para as empresas. Quanto ao marketing de vídeo em 2020, será uma ótima maneira de aumentar sua rede e sua base de clientes, não apenas agora, mas também no futuro.

7. Vídeos envolvem usuários por mais tempo em seu site.


Os vídeos ajudam a manter os usuários no seu site por mais tempo e também a mantê-los mais envolvidos. O usuário médio gasta 88% mais tempo em um site com vídeo (Forbes, 2018). Esse fato, por si só, é suficiente para provar o quanto o conteúdo de vídeo é mais atraente para a maioria dos dados demográficos. Isso também pode ter algo a ver com o fato de os espectadores reterem melhor as mensagens quando as veem em um vídeo, em comparação com a forma escrita. Se você deseja que as pessoas permaneçam no seu site, chame a atenção delas adicionando conteúdo de vídeo útil. Tente criar vídeos, demonstrações e instruções sobre o produto para o seu público. Estes são os vídeos mais comuns produzidos pelas empresas B2C. Os canais de distribuição mais comuns desses sites de conteúdo e mídias sociais.


8. Poder do vídeo nas decisões de compra


Os vídeos não apenas mantêm os usuários mais envolvidos, mas também desempenham um papel bastante importante no processo de tomada de decisão. Uma pesquisa realizada pela Wyzowl mostra que quase oito em cada dez usuários compraram um software ou aplicativo depois de assistir ao vídeo da marca (Wyzowl, 2018).

E o poder do marketing de vídeo é realmente sentido ao longo de toda a jornada do comprador, o mesmo estudo mostra que a maioria das pessoas (96% delas, para ser exato) recorrem aos vídeos para aprender mais sobre um determinado produto e / ou serviço.

Além disso, se até gigantes da Internet como o Google estão descrevendo vídeos como "indispensáveis", você sabe que está seguindo o caminho certo ao incluir vídeo em sua estratégia de marketing digital. Segundo o Google, o vídeo influencia os usuários da Internet, agindo como uma lista de compras que eles usam para se lembrarem do que precisam comprar, armando os usuários com mais informações e confiança para realizar compras e como fonte de análises de produtos.


9. Crescente popularidade do vídeo


Se as estatísticas de marketing de vídeo acima ainda não o convenceram de seus benefícios, como isso influencia você: o tempo que as pessoas passam assistindo vídeos online está aumentando. Em 2019, os usuários passaram uma média semanal de seis horas e 48 minutos assistindo a vídeos online, um aumento de 59% em relação aos três anos anteriores em 2016 (Limelight, 2019). E todos os sinais atualmente sugerem que isso continuará a aumentar. O público com menos de 36 anos já está gastando mais tempo assistindo a vídeos on-line do que em meios de transmissão tradicionais, como a televisão.

Em termos de uso diário, a média global atual de consumo de vídeo por dia é de 84 minutos, liderada pela China e Suécia, cujas populações passaram 103 minutos por dia em 2019 assistindo vídeos online. A média global deverá aumentar e atingir 100 minutos por dia até 2021.


10. Papel do vídeo no tráfego da Internet


E dada a crescente popularidade do vídeo, não surpreende que sua participação no mercado do tráfego da Internet aumente.

Estima-se que até 2022, 82% do tráfego global da Internet será proveniente de

streaming e downloads de vídeos (Cisco, 2019). Isso representa um aumento de 88%

no compartilhamento de tráfego em relação aos 72,3% de 2017.

Para colocar ainda mais em perspectiva, 56 exabytes (equivalente a um bilhão de gigabytes) de vídeo na Internet foram consumidos mensalmente em 2017.

Esse número mais que quadruplicará para 240 exabytes por mês até 2022.

E não é apenas o consumo de vídeos enviados que está previsto aumentar. O mesmo estudo da Cisco mostra que o tráfego de vídeos da Internet ao vivo aumentará 15 vezes

no período de cinco anos de 2017 a 2022 e representa 17% do compartilhamento total de tráfego de vídeo na Internet até 2022, o que é definitivamente uma estatística de marketing de vídeo a ser considerada, especialmente se você estiver pensando em usar vídeos ao vivo do Instagram ou do Facebook para comercializar seu negócio de dropshipping!



É isso que você precisa saber sobre as estatísticas de marketing de vídeo para 2020. Esperamos que isso ajude a esclarecer como o marketing de vídeo pode ser útil para seus negócios de comércio eletrônico.

17 visualizações

Segunda - Sexta | 09h - 19h

R. 1542, 715 - SL 26 - Centro

Balneário Camboriú/SC

Tel. (47) 3021.1984

Cel. (47) 9 9702.0187

atendimento@stageprodutora.com.br

© Copyright 2020 STAGE PRODUTORA. Desenvolvido por Gath Soluções