• Gabriella Ferreira

7 dicas úteis sobre como gerar leads com vídeos



#1 – Admita que vivemos no mundo dos vídeos


Em todos os dispositivos digitais e canais sociais, nunca assistimos a tanto conteúdo de vídeo como agora. Na verdade, mais de um terço de toda a atividade on-line é gasto assistindo a vídeos. Não é de admirar que o YouTube seja atualmente o segundo maior mecanismo de buscas do mundo, processando mais de três bilhões de pesquisas por mês, o que equivale a cem horas de vídeos enviados a cada minuto, todos os dias. Isso é maior do que o Bing, Yahoo e AOL combinados.

Claro, onde há pessoas, há também um dilúvio de publicidade de marcas. Estudos mostram que 81% das empresas usam o vídeo como ferramenta de marketing e, no mundo B2B (Business-to-business – denominação do comércio estabelecido entre empresas), 96% dos negócios usam vídeo em suas estratégias de comunicação.

O vídeo tornou-se enraizado como uma poderosa ferramenta de engajamento e geração de leads. De acordo com a Optinmonster, os profissionais de videomarketing desfrutam de 66% de leads mais qualificados por ano e podem alcançar um aumento de 54% no reconhecimento da marca. De fato, 93% dos profissionais de marketing afirmam que conseguiram um novo cliente simplesmente usando vídeos nas mídias sociais.


#2 – Não é preciso esvaziar os bolsos


Já passou o tempo em que as empresas precisavam gastar orçamentos épicos em anúncios de TV para aumentar o reconhecimento da marca e criar uma conexão emocional com os clientes.

Na era do videomarketing no mundo digital, as marcas inteligentes estão usando produções simples, scripts de pequena escala, animação, conteúdo gerado pelo usuário e aplicativos de edição de vídeo fáceis de usar para criar conteúdo de qualidade rapidamente.

Além disso, estas marcas estão criando conteúdo no estilo “melhores práticas digitais”, ao adaptar e-books e artigos, tornando esses recursos existentes em vídeo, sem ter que reinventar a roda o tempo todo. Essa metodologia de vídeo de baixo custo e funcionamento rápido se encaixa bem e suporta o próximo ponto abaixo.


#3 – Mantenha o conteúdo próximo da realidade


Os consumidores mais experientes e versados na digitalidade de hoje buscam inspiração, conexão emocional e marcas nas quais confiam. Então, a última coisa que eles querem é um vídeo corporativo chato com dublagens.

A chave para obter o conteúdo de vídeo certo é mantê-lo real, usando pessoas reais e histórias reais.Ganhar a confiança do seu público pode ser conseguido através de narrativa convincente, tendo em mente os cinco pilares fundamentais de uma grande mensagem de marketing: inspirar, divertir, informar, educar e, quando tiver feito este trabalho bem o suficiente, falar sobre seus próprios produtos e serviços.

Assim, todos os tópicos de vídeo que você pretende criar devem se encaixar em um desses blocos e fazerem parte do seu calendário de conteúdo de marketing estratégico personalizado. Em um mundo ideal, as empresas deveriam criar pelo menos um vídeo por mês e, em seguida, reformulá-lo em múltiplos canais sociais, digitais e de mídia, usando várias edições do mesmo vídeo.


#4 – O conteúdo não funciona isolado


Os vídeos precisam ser integrados a uma estratégia mais ampla de marketing de conteúdo e mídia social para gerar o máximo de ROI (Return On Investment – retorno sobre o investimento) possível. Um dos erros comuns cometidos pelos profissionais de marketing é gastar muito dinheiro criando um vídeo atraente e envolvente, apenas para que ele fique parado em uma página chata em algum lugar da web.

Todo vídeo deve carregar uma mensagem cuidadosamente elaborada, que possa ser usada e reutilizada adequadamente, de modo a gerar conscientização e criar novos leads em vários canais de mídia social e pontos de contato do cliente.

Usar essa estratégia não apenas ajuda você a se destacar em um mar de “mesmas coisas”, mas também economiza dinheiro, o qual você pode usar para distribuir e divulgar seu conteúdo de vídeo de maneira mais eficaz no Youtube, Facebook, Instagram e outros canais relevantes.

Por que isso é importante?

Na atualidade, as empresas normalmente não têm dinheiro suficiente para publicidade na TV. Sendo assim, as marcas inteligentes estão usando o YouTube e outros canais de disseminação de vídeos para maximizar o alcance e a confiança do público-alvo certo e no momento certo, alocando um orçamento específico para cada vídeo ou campanha.

A estratégia aqui é simples: você não quer apenas falar com a comunidade existente, mas sim crescer sempre e adicionar pessoas à sua tribo.

A meta, portanto, é entrar em contato com eles por meio de um vídeo de marca inspirador ou divertido. O objetivo é que eles voltem ao seu site e se cadastrem para receberem seus e-mails ou sigam suas redes sociais, de modo que você possa ter uma “conversa contínua” e os nutra com conteúdos relevantes.


#5 – Marketing de conteúdo ou anúncios?


Antes de começar a jogar dinheiro em anúncios patrocinados, também é importante destacar que há uma linha tênue entre o videomarketing efetivo e a publicidade direta. Se você gastar muito dinheiro em mídia para promover seu conteúdo em vídeo, começa a parecer com um simples e corriqueiro anúncio digital, e isso vai contra a própria essência do marketing de conteúdo autêntico, que gera a confiança dos clientes.

Portanto, se você quer vencer no jogo do videomarketing e alavancar seu canal ao máximo, os planos futuros devem incluir vídeos regulares, que solucionem os problemas dos clientes de uma maneira inspiradora e divertida, criando narrativas interessantes e envolventes, e que sejam relevantes. Se isso for feito de maneira autêntica e “não-corporativa”, você terá a melhor chance de se destacar, ser diferente e ser notado.


#6 – Conteúdo gerado pelo usuário é a mina de ouro


Existem amplas estatísticas para mostrar que o conteúdo gerado pelo usuário oferece resultados significativos para marcas que buscam fidelidade e confiança do consumidor.

Dados recentes mostram que 87% dos consumidores confiam nos comentários e recomendações de familiares e amigos que receberam uma experiência de marca gratuita, e 71% ainda confiam em blogueiros, vloggers ou estrelas de redes sociais. Enquanto isso, as opiniões de clientes são 12 vezes mais confiáveis  do que o marketing direto de uma marca ou organização.

É claro que a popularidade dos vídeos de conteúdo gerado pelo usuário também pode aumentar o risco de comentários negativos ou exposição, mas, se gerenciado com a devida diligência, ele oferece informações ricas e confiáveis sobre a integridade, o valor e a confiabilidade de sua marca. E isso é valioso para os negócios baseados em produtos e serviços. A forma de alavancar o conteúdo gerado pelo usuário em sua organização dependerá de qual setor você está e de qual problema está resolvendo para seus clientes. O resultado da análise desses dois fatores deve nortear a criação de campanhas convincentes, para impulsionarem o boca-a-boca natural em seus canais de mídia social.

Aqui estão algumas dicas importantes para ajudar você a começar.

- Crie uma campanha ou promoção gratuita.

- Peça aos seus clientes para se envolverem, tirando uma foto ou vídeo e enviando para sua página do Facebook e / ou Instagram (usando hashtags).

- Toda vez que alguém postar um conteúdo em sua página, ele será enviado para a comunidade pessoal (com base no algoritmo), que funciona como publicidade gratuita

da sua marca para o grupo de amigos.

- Selecione os vencedores e promova-os em todos os seus canais.


#7 – Negócios por envolvimento são fundamentais para o sucesso

Por fim, e mais importante, o seu roteiro de videomarketing não acontecerá sozinho em sua empresa. Como em todos os esforços de marketing de conteúdo, existem cinco fases de atividade que você, sua equipe ou parceiros criativos precisam gerenciar:

- Criação;

- Produção;

- Gerenciamento de projetos;

- Aprovação das partes interessadas;

- Implementação de vídeos (o que fazer com os conteúdos depois de concluídos).

Você deve criar um plano e depois ser leal a ele.


Conclusão


Como todos os esforços de marketing, o videomarketing inteligente não acontecerá por acaso.

Você precisa ser proativo, criar as estruturas de suporte corretas e gerar negócios por envolvimento, garantindo assim que seu investimento em videomarketing obtenha as recompensas necessárias para proporcionar resultados tangíveis e reais.

Fonte: Smart Company.


0 visualização

Segunda - Sexta | 09h - 19h

R. 1542, 715 - SL 26 - Centro

Balneário Camboriú/SC

Tel. (47) 3021.1984

Cel. (47) 9 9702.0187

atendimento@stageprodutora.com.br

© Copyright 2020 STAGE PRODUTORA. Desenvolvido por Gath Soluções